We are working on this new project focused on avoiding the extinction of an icon: the Araucaria angustifolia. In partnership with IDEAS for Us of Orlando, we are wirking with Manu from Cascavel and the If You Can Dream Foundation Ambassadors Dorival and Meire to create a series of events that will have the objective of saving this iconic tree from extinction.

We are preparing a series of tree planting events to raise awareness of the critical situation that the Araucaria angustifolia is. The first planting event will be lead by Manu herself in Cascavel, Brazil.

The first phase of the work, though, is to know the Araucaria angustifolia and its importance for the local community.

Estamos trabalhando neste novo projeto focado em evitar a extinção de um ícone: a Araucaria angustifolia. Em parceria com a IDEAS for Us of Orlando, estamos trabalhando com Manu de Cascavel e os embaixadores da Fundação If You Can Dream Dorival e Meire para criar uma série de eventos que terão o objetivo de salvar esta árvore icônica do extinção.

Estamos preparando uma série de eventos de plantio de árvores para conscientizar sobre a situação crítica que a Araucaria angustifolia se encontra. O primeiro evento de plantio será conduzido pela própria Manu em Cascavel, Brasil.

A primeira fase do trabalho, porém, é conhecer a Araucaria angustifolia e sua importância para a comunidade local.

red_list_categories_snip.jpg
Capture01.JPG
FlorestaOmbrófilaMista.jpg
medium_menu_5b017f4f-d353-4d30-8f08-c4ac14b0e0f1.webp

The Araucaria angustifolia is very much integrated with the local communities with deep dependencies of its timber in the past and its "pinhão" nowadays. Festivals are named after it, several culinary delicacies include its "pinhão" and even names are originated from it. The Capital of the Parana State, Curitiba was named after it (One theory is that the name "Curitiba" comes from the Tupi Guarani words kurí tyba, "many araucária seeds" due to the large number of Paraná pines pinecones in the region prior to its founding). The symbols below, including the State of Parana Flag and  Coast of Arms, feature the Araucaria angustifolia.

A Araucária angustifolia está muito integrada às comunidades locais com profundas dependências de sua madeira no passado e seu "pinhão" hoje. As festas levam o seu nome, várias iguarias culinárias incluem o seu "pinhão" e até nomes são originados dele. A capital do Estado do Paraná, Curitiba recebeu seu nome (Uma teoria é que o nome "Curitiba" vem das palavras tupi Guarani kurí tyba, "muitas sementes de araucária" devido ao grande número de pinhas de pinheiros do Paraná na região antes de sua fundação). Os símbolos abaixo, incluindo a Bandeira do Estado do Paraná e Costa de Armas, apresentam a Araucária angustifolia.

Araucaria angustifolia, the Paraná pine, Brazilian pine or candelabra tree (pinheiro-do-paraná, araucária or pinheiro brasileiro), is a critically endangered species (CR) in the conifer genus Araucaria. Although the common names in various languages refer to the species as a "pine", it does not belong in the genus Pinus.

Covering an original area of 233,000 square kilometres (90,000 sq mi), it has now lost an estimated 97% of its habitat to logging, agriculture, and silviculture. It is an evergreen tree growing to 40 m (130 ft) tall and 1 m (3 ft 3 in) diameter at breast height

The seeds, similar to large pine nuts, are edible, and are extensively harvested in southern Brazil (ParanáSanta Catarina and Rio Grande do Sul states), an occupation particularly important for the region's small population of natives (the Kaingáng and other Southern Jê). The seeds, called "pinhão" are popular as a winter snack. Several cities in the region holds a popular pinhão fair, in which boiled or grilled Araucaria seeds are consumed. 3,400 tonnes (7,500,000 lb) of seeds are collected annually in Brazil. It is also used as a softwood timber in stair treads and joinery. The species is widely used in folk medicine.

Araucaria angustifolia, o pinheiro do Paraná, pinheiro brasileiro ou árvore candelabro (pinheiro-do-paraná, araucária ou pinheiro brasileiro), é uma espécie criticamente ameaçada (CR) no gênero coníferas Araucária. Embora os nomes comuns em várias línguas se refiram à espécie como "pinheiro", ela não pertence ao gênero Pinus.

Cobrindo uma área original de 233.000 quilômetros quadrados (90.000 sq mi), agora perdeu cerca de 97% de seu habitat para extração de madeira, agricultura e silvicultura. É uma árvore perene que cresce até 40 m (130 pés) de altura e 1 m (3 pés 3 pol) de diâmetro na altura do peito.

As sementes, semelhantes aos grandes pinhões, são comestíveis e amplamente colhidas no sul do Brasil (estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul ), uma ocupação particularmente importante para a pequena população de nativos da região (os Kaingáng e outros Jê do Sul ). As sementes, chamadas de "pinhão", são populares como lanche de inverno. Várias cidades da região realizam uma feira popular de pinhão, na qual são consumidas sementes de araucária cozidas ou grelhadas. 3.400 toneladas (7.500.000 lb) de sementes são coletadas anualmente no Brasil. Também é usado como madeira de madeira macia em degraus de escadas e marcenaria. A espécie é amplamente utilizada na medicina popular.

images.jpg
280388426_1015269065687956_3374993678853937708_n.jpg
290675121_565247311918563_3870959630827188794_n.png
1659560968305.png
b55ced0a-ddc6-4e9f-aa56-160ab82b4808.jpg

I have been working with Manu from Cascavel in Brazil to save the Araucaria angustifolia (tree that provides the Brazilian so much loved pinhão) from extinction and when we decided to do something about it, we had the help of agricultural engineers Dorival and Meire Vicente and Ambassadors of my If You Can Dream Foundation, who enlightened us about the strategy defined in Brazil to guarantee its survival. We will not be simply planting the trees coming from seeds. Our strategy is to plant trees that went through a process called graft that join parts of exceptional trees to come up with seedlings that are hybrid (male and female in one tree) and that bear fruits in about 6 to 8 years as opposed to the normal 12 to 15 years. This was a result of about 25 years research from EMBRAPA (The Brazilian Agricultural Research Corporation, established by the country's federal government) which came to the market only two years ago. With these characteristics, we are not only re-populating the area to avoid its extinction but we are also providing the trees with a better chance for survival. This project is being done in conjunction with IDEAS for Us, a non-profit Organization from Orlando, FL. More news to come soon!

Eu tenho trabalhado com a Manu de Cascavel no Brasil para salvar a Araucária angustifolia (árvore que fornece o tão amado pinhão brasileiro) da extinção e quando decidimos fazer algo a respeito, tivemos a ajuda dos engenheiros agrônomos Dorival e Meire Vicente, Embaixadores de minha "If You Can Dream" Foundation, que nos esclareceu sobre a estratégia definida no Brasil para garantir sua sobrevivência. Não estaremos simplesmente plantando as árvores provenientes de sementes. Nossa estratégia é plantar árvores que passaram por um processo chamado de enxerto que junta partes de árvores excepcionais para dar origem a mudas híbridas (macho e fêmea em uma só árvore) e que dão frutos em cerca de 6 a 8 anos ao contrário do normal 12 a 15 anos. Este foi o resultado de cerca de 25 anos de pesquisa da EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, criada pelo governo federal do país) que veio ao mercado há apenas dois anos. Com essas características, não estamos apenas repovoando a área para evitar sua extinção, mas também proporcionando às árvores uma maior chance de sobrevivência. Este projeto esta' sendo executado em conjunto com IDEAS for Us, uma organizacao sem fins lucrativos de Orlando na Florida. Mais novidades em breve!

The location and dates for the planting of the Araucaria angustifolia were already defined as shown below:

O local e as datas para o plantio da Araucaria angustifolia já foram definidos conforme abaixo:

poster.jpg
PosterPortuguese.jpg

Click here to see the Press Release                                                     Clique aqui para ver o Press Release

vitoria1.JPG

The planting event in Vitoria Park, Cascavel, is postponed due to weather. It is raining all day so we will announce here the new date wehn it becomes available.

O evento de plantio no Parque Vitoria de Cascavel esta' sendo postergado em virtude das chuvas. Tem chovido muito na regiao. Nos anunciaremos aqui a nova data assim que formos informados.

How can you help? 
- Volunteer to plant a tree 
- Sponsor a tree (you will receive the coordinates of your tree) 
Please, leave a message on the form below for us to detail you the process. 
Thank you for your support! 

Como voce pode ajudar?
- Seja um voluntario no plantio da arvore
- Suporte uma arvore (voce vai receber as coordenadas da sua arvore)
Por favor, deixe uma mensagem no formulario abaixo para nos detalharmos o processo.
Obrigado pelo seu suporte!

Event appearances in the Media:/Informacoes sobre o evento na media:

CATVe TV Broadcast in Brazil / CATVe RV no Brasil

O Parana Online Newspaper in Brazil / O Parana Jornal Online do Brasil

Patch Online Newspaper in USA / Patch Jornal Online nos EUA

More to come soon / Mais links serao disponibilizados logo mais